Notícias

Algumas posturas erradas são as responsáveis pelas dores. Quanto mais tempo a pessoa passa nessas posições (por causa do trabalho, por exemplo), maior o risco.

5 principais causas da dor nas costas:

Algumas posturas erradas são as maiores responsáveis pelas dores. Quanto mais tempo a pessoa passa nessas posições (por causa do trabalho, por exemplo), maior o risco.

  • Inclinar o tronco levantando peso
  • Sentar com o tronco inclinado para frente (corcunda)
  • Ficar sentado o dia todo (recomenda-se levantar a cada hora)
  • Ficar em pé o dia todo
  • Dormir de barriga para baixo

 

Tais posturas podem causar:

  • Compressão dos discos intravertebrais (espécie de amortecedores das vértebras). Com isso o disco pode extrasar e comprimir os nervos próximos, causando a hérnia de disco (e muita dor)
  • Encurtamento muscular na região - os músculos da coluna se prendem nas vértebras e, se ficam mais estreitos, os ossos se aproximam, comprimindo os nervos
  • Bico de papagaio - é a artrose da coluna, as más posturas podem favorecer um desgaste das cartilagens das vértebras. Isso causa degeneração
  • Alteração nas curvaturas da coluna, como hiperlordose e hipercifose (que também podem levar a compressão dos discos e degeneração das vértebras)
  • Obesidade, sedentarismo, traumas e envelhecimento também são causas comuns de dores nas costas.

 

Tratamento
É comum o paciente tomar anti-inflamatório, mas é um tratamento paliativo.

Exercícios de alongamento são eficazes em alguns casos.

Reeducação postural também ajuda.
Praticar atividade física aeróbica regularmente atua como protetor, diminuindo a dor, flexibilizando a musculatura e liberando endorfinas.

A má postura é a principal causa de dor.

Outras causas:

  • Sedentarismo: indiretamente, pode levar a um aumento de peso e causar sobrecarga nas articulações da coluna; a falta de alongamento dos músculos das costas também aumenta a compressão na região
  • Barriga flácida: os músculos abdominais têm um papel superimportante na estabilidade da coluna e na sustenção da região lombar. Quando estão flácidos e fracos, a tendência é projetar a barriga para a frente, causando tensão na região lombar, tanto na coluna quanto na musculatura
  • Tensão no dia-a-dia: aumenta a tensão muscular. Os músculos permeiam as vértebras e, quando estão tensionados, fazem com que essas superfícies ósseas se aproximem e fiquem comprimidas
  • Exercícios físicos malfeitos: podem causar lesões na musculatura; também causam dores o excesso de sobrecarga e posições erradas constantes que favoreçam a compressão das articulações da coluna

 

 

Exercício recomendado

 

1. Apoie as costas em uma parede ou fique de costas para um parceiro.

2. Desça 60º (como se estivesse sentado)

3. Segure por 30 segundos. Trabalhe para chegar a dois minutos

A ação fortalece vários músculos, da perna, do abdômen e das costas.

TESTE DA COLUNA

Para saber como está sua coluna faça esse teste e boa sorte:

  • Em frente a um espelho verifique se sua orelha está na mesma linha do seu ombro;
  • Verifique a barra da calça;
  • Veja se um glúteo está mais saliente que o outro;
  • Observe se o solado de seu sapato está gasto igualmente nos dois lados (pé direito e esquerdo);
  • Ainda no espelho, veja se os seus quadris estão na mesma altura;
  • Verifique sua mobilidade. Tente agachar e levantar;
  • Vire o pescoço para a direita e esquerda e observe se há dificuldade na hora de realizar os movimentos.

 

Cuidados com a coluna no dia a dia

 

Posições corretas para dormir

As posturas mais indicadas para dormir são de barriga para cima e de lado.

Se dormir de lado, coloque um travesseiro no meio das pernas para alinhar melhor a coluna. Procure não cruzar as pernas em direção ao tronco.

De costas, pode colocar um travesseiro sob os joelhos, para deixar a coluna em posição mais confortável.

Dormir de bruços é totalmente contraindicado: pode agravar dores e deformações nas costas.

Colchão: deve ceder um pouco ao peso, mas não pode permitir que o corpo todo afunde. Sempre compre colchão com densidade de acordo com seu peso.

Travesseiro: não deve ser nem mole demais nem duro demais.

Para quem dorme de lado, a altura ideal é a mesma distância do ombro à orelha.

Quem dorme de costas deve optar por um travesseiro bem baixo, para não forçar a região cervical. Pelo mesmo motivo, não durma sobre o braço do sofá de jeito nenhum.

Ao se levantar: nunca levante direto de barriga para cima. Para proteger a coluna, vire-se de lado, apoie as mãos na cama e, então, se levante.

 

Posições corretas ao volante

  • Dirigir com os braços e pernas ligeiramente dobrados, para diminuir as chances de lesões;
  • Apoiar bem o corpo no assento e no encosto do banco o mais próximo possível de um ângulo de 90 graus;
  • Ajustar o encosto de cabeça de acordo com a altura do ocupante, de preferência na altura dos olhos;
  • Manter os calcanhares apoiados no assoalho do veículo
  • Evitar apoiar os pés nos pedais quando não os estiver usando

 

Problemas causados por bolsa ou mochila;

Um sobrepeso em somente um lado do corpo pode causar dor.

O peso ideal que adultos e crianças podem carregar sem causar danos e lesões, é entre 10 e 15% do peso corporal. Deve-se revezar a bolsa nos ombros e carregar o mínimo de peso. No caso de mochilas, o ideal é carregar com as duas alças nas costas e uma cinta abdominal. Você distribui o peso e não sobrecarrega tanto as costas

 

Salto alto;

Também causam uma maior sobrecarga para a coluna. Não há maiores restrições no uso esporádico, contanto que se fique atento a qualquer sinal de dor durante o uso. A melhor opção é dar preferência para os saltos baixos

 

Computador;

Perigos das massagens malfeitas

 

Automassagem

A própria pessoa pode tentar relaxar e tratar pequenas dores causadas por má posturas com a automassagem. Esse tipo de técnica também traz benefícios. Reserve ao menos 20 minutos.

Antes de começar, umedeça as mãos com óleo morno (pode ser de amêndoas, por exemplo).
Comece a manusear a pele, mais superficialmente, para ver se encontra algum ponto de dor.
Se a pele estiver dolorida, faça movimentos em círculos até a dor passar.
Somente no outro dia tente manipular os músculos.

Dicas:

Ao fazer massagem na região do ombro e pescoço, mantenha o braço que está massageando apoiado, para não forçar a musculatura do outro lado. Você pode se sentar e apoiar o braço sobre a mesa.

Você pode usar uma bolinha de tênis ou do tipo antiestresse para massagear as costas. Pressione a bola contra a parede e vá deslizando nas costas, prestando mais atenção nos pontos de dor.

Pesquisa