Notícias

Sim! Criar “saídas estratégicas” da rotina ajuda a manter a mente sã e aliviar as tensões. Atualmente, é muito comum ouvirmos pessoas queixando-se de insatisfação pessoal ou profissional, problemas de relacionamento, exagero de cobranças familiares e solidão, mas muitos desses problemas podem ser, senão resolvidos, pelo menos amenizados por meio da prática de atividades que costumamos chamar de hobbies.

Quem não consegue esquecer um dia demasiadamente turbulento após uma sessão de futebol Society com os amigos ou uma aula de dança daquelas bem animadas? Os mais calmos podem optar por programas mais tranquilos, como caminhadas, pescarias, passeios de bicicleta pelo parque, artesanato, jogo de xadrez, aprender a pintar ou tocar um instrumento e obter o mesmo efeito.

Há aqueles que ainda se dedicam a realizar trabalhos voluntários, pois sentem que, ao fazer o bem ao próximo, estão fazendo bem a si mesmos. Independentemente das preferências de cada um, o que vale mesmo é cuidar da saúde emocional, sem descuidar, é claro, da saúde física, consultando o médico sempre que a sensação de apatia ou frustração der lugar a sintomas concretos – como ansiedade, insônia, dores pelo corpo, baixa resistência física, síndrome do pânico, depressão – que podem estar relacionados à ocorrência de doenças para as quais existe tratamento adequado.

Pesquisa